prevnext

Dr. John Bruchalski (Washington DC)

“Estás a falar com alguém que matou muita gente.”

O Dr. Bruchalski começou a praticar abortos mal acabou o curso de Medicina. Estava convencido que assim ajudava as pessoas. Mas apercebeu-se que estava errado.

“Aumentavam as infecções, as depressões, as famílias destruídas… e perguntei a mim mesmo o que é que falhava. Porquê é que os antidepressivos são o medicamento mais vendido no mundo?”

Duas experiências místicas colocaram-no, de surpresa, diante de uma mulher que se apresentou como a Mãe de todos os homens: “Porque me feres, John?”

“Deixei de imediato a prática do aborto e comecei a trabalhar para pessoas sem recursos. Agora, tento ajudá-las a serem mais saudáveis, felizes e santas, respeitando a dignidade do ser humano.”